Amigos para a vida toda

Por Heather Simpson, BFRP, Natural Animal Centre, País de Gales

Quando dois dos meus cachorros mais velhos faleceram devido à idade avançada, e eu decidi adquirir um novo casal de cães.

Observar meu cachorro sobrevivente e meus gatos de meia idade aprenderem a se adaptar à chegada de dois novos exuberantes filhotes cheios de vida, fez-me perceber como deve ser difícil passar por este tipo de situação sem a ajuda dos florais.

As pessoas que usam os remédios de Bach reconhecemos que uma situação como esta tem o potencial de causar vários estados emocionais negativos.

Sem a introdução cuidadosa e gentil de novos animais, prestando atenção a cada personalidade individual e suas necessidades, o proprietário de um animal poderia ter que lidar com muitos medos, frustrações e confusões.

Os animais têm a mesma variedade de emoções que nós, humanos.

Devemos ser cuidadosos para não enfocar apenas uns poucos florais, que se tornaram sinônimo de tratamento de animais, como a fórmula de emergência, Mimulus, Water Violet, entre outros.

De certa forma, a situação em que me encontrei é um sonho de todo practitioner de animais, pois ela tinha o potencial de explorar todos os 38 florais.

Os remédios florais e os animais...

Os novos cãezinhos me fizeram considerar o Agrimony para o gato, que se mostrou durão com os filhotes, escondendo sua agitação interna.

Um dos cãezinhos se adaptou especialmente bem e o Vervain se tornou um bom apoio para ajudá-lo a equilibrar harmoniosamente seu desejo de brincar o tempo todo com o cão adulto.

Nos primeiros dias, o Cerato foi inestimável para a outra cadelinha.

No começo, ela simplesmente seguia os gatos, sem saber o que ele pretendiam e questionando seu comportamento.

Cerato a ajudou não apenas a aceitar os gatos como eles são (não são cãezinhos!) mas também a melhorar sua auto-confiança, o que continua ajudando-a enquanto ela cresce e tem que enfrentar coisas novas na vida, que exigem seu próprio julgamento.

Durante a primeira semana, todos os animais se beneficiaram da proteção do Walnut, pois cada um tentava, de sua própria maneira, se adaptar às mudanças que vieram com os novos animais.

Para os filhotes, no entanto, a perda da mãe e de seus pequenos companheiros de brincadeiras e a mudança para um ambiente totalmente novo foi um passo enorme.

Walnut deu-lhes uma forma de proteção que garantiu que tivessem menos medo do desconhecido, garantindo-lhes que seu novo caminho na vida traria alegria e conforto.

Com ajuda dos florais, em poucos dias, os animais se tornaram amigos para a vida inteira.